Se o trabalho de profissionais de TI hoje consiste em utilizar ferramentas tecnológicas para que o negócio acompanhe e atinja as demandas de seu público, os dispositivos móveis devem ser uma prioridade.

Por quê? Porque a mobilidade está se tornando nosso principal meio de consumir, se divertir e trabalhar. Portanto, escolher ou criar uma plataforma mobile deve ser uma preocupação iminente para sua carreira e empresa.

Quer saber mais sobre o assunto? Então continue a leitura desse artigo que preparamos especialmente sobre plataformas mobile!

O que é uma plataforma mobile?

Já faz algum tempo que o trabalho da TI é focado na gestão e aplicação de sistemas integrados — para produtividade, entrega, monitoramento de resultados e criação de novas estratégias de negócio. No entanto, esse tipo de estrutura ou serviço sempre foi oferecido com um foco mais generalista. São softwares e sistemas que se adaptam dependendo de seu uso em máquinas virtuais, máquinas físicas, desktops, notebooks etc.

Esse contexto está mudando rapidamente. O acesso móvel começa a dominar a nossa rotina, em todas as pontas do mercado. Quem prioriza esse tipo de experiência e as demandas e oportunidades que ela traz sai na frente da concorrência, tanto na entrega de soluções de negócio quanto na interação com os clientes.

Uma plataforma mobile é o que possibilita um sistema como esse, construído exclusivamente para a utilização em dispositivos móveis. É uma solução nova com um conceito de mobile first: quem se adapta é o desktop, não o contrário. Ou seja, é uma ferramenta pensada para a criação de apps, com as funcionalidades e os recursos necessários para esse tipo específico de desenvolvimento.

Como uma plataforma mobile pode ser aplicada em negócios?

É possível pensar na utilização desse tipo de plataforma, que foca em aplicações móveis, em dois momentos diferentes de uma empresa. A seguir, confira quais são eles:

Desenvolvimento interno

Nesse modelo, o serviço é utilizado para criar sistemas e aplicativos baseados em mobilidade, para incrementar a produtividade de uma organização. Imagine, por exemplo, que um negócio precise simplificar o trabalho remoto e o monitoramento de indicadores por diversos departamentos, mesmo fora do horário útil dentro do escritório.

É possível disponibilizar uma versão mobile do sistema por HTTPS, claro, mas seria muito mais eficiente criar uma versão customizada em forma de aplicativo, que seria acessada mais rapidamente e ofereceria uma experiência pensada exclusivamente para a execução de tarefas em aparelhos móveis.

Esse tipo de solução é cada vez mais importante devido às demandas que surgem rapidamente e à necessidade de se ajustar a elas. Dar aos colaboradores o poder de tomar e implementar decisões com facilidade, na ponta dos dedos, é um grande passo para alcançar esse nível de flexibilidade.

Desenvolvimento externo

A plataforma mobile não serve apenas para criar ferramentas de produtividade: seu maior impacto, hoje, está na relação entre a empresa e o seu público. Ela pode ser utilizada como facilitadora no planejamento, no desenvolvimento e na entrega de produtos e serviços móveis para o cliente por meio de apps próprios.

Atualmente, um aplicativo traz vários ganhos em termos de negócio, como um aumento em taxas de conversão, um canal customizado de comunicação com o cliente, um controle maior sobre sua experiência, entre outros. Contar com uma plataforma é ter mais meios de atingir o seu público da forma que a empresa deseja e de uma maneira que surpreenda suas expectativas.

O que levar em conta para definir a melhor plataforma mobile para empresas?

Existem diversas opções no mercado para a criação e gestão de apps, mas essa gama de possibilidades pode se tornar uma armadilha. Afinal, você só consegue extrair o melhor do seu trabalho quando você alinha estratégia, planejamento e as ferramentas certas.

A seguir, veja como decidir qual serviço é melhor para você!

Gestão, integração e controle

Uma das grandes dúvidas que surgem quando se fala em plataformas mobile é por que escolher esse tipo de abordagem até em casos menos complexos, nos quais a TI poderia desenvolver um app avulso, sem gastar com apoio tecnológico.

A resposta é simples: criar e manter um aplicativo hoje é muito mais do que escrever seu código. É preciso monitorar constantemente a experiência do usuário, gerar e analisar indicadores de performance e transformar esses dados em novas estratégias e atualizações.

Para executar essas tarefas, você precisa de recursos inteligentes, integração e controle sobre seu produto. Tudo isso seria facilitado, automatizado e agilizado com uma plataforma completa como base.

Experiência do usuário

Você leu algumas vezes esse termo ao longo do texto porque ele é muito importante para quem desenvolve mobile. A experiência do usuário é o conjunto de elementos, fluxos e informações que guiam uma pessoa por um aplicativo e facilitam seu uso, além de surpreender com a quebra e superação de expectativas.

Criar uma boa experiência do zero é difícil e custa tempo. Plataformas mobile criam um atalho, oferecendo uma base comprovadamente funcional para que o desenvolvedor construa em cima.

Responsividade

Algo que faz muita diferença para a experiência do usuário é a responsividade de um aplicativo: a velocidade com que ele abre, o tempo de resposta entre ação e consequência, sua capacidade de se adaptar ao display de diferentes dispositivos etc.

Isso tudo tem a ver com um bom código e uma boa performance. Quando a estrutura mobile é baseada na nuvem e oferece recursos de cloud para o seu produto, você garante a qualidade dessa parte do seu trabalho.

Ferramentas de prototipagem

Com usabilidade, boa experiência e responsividade, um app está pronto para o sucesso — seja para atender a demandas de produtividade, seja para encantar clientes. O que você precisa, então, é só colocar suas ideias em prática. Até nisso as plataformas especializadas são uma boa ideia, já que elas contam com assets, layouts e templates que facilitam muito a criação de protótipos.

Assim, dá para apresentar, testar e validar suas ideias de aplicações móveis com muito mais velocidade, sem ficar perdendo tempo construindo códigos complexos que precisarão ser refeitos depois. O melhor sistema, nesse caso, é aquele que oferece mais recursos para esse tipo de prototipagem, que permite chegar a um resultado funcional com o mínimo de programação.

Você precisa criar uma plataforma mobile?

Para uma TI com profissionais capacitados, é perfeitamente possível trabalhar com uma abordagem tradicional de desenvolvimento, criando apps do zero ou até construindo sua própria estrutura. No entanto, em um mercado em que as estratégias são muito mais importantes que a execução, por que criar uma plataforma mobile se você pode escolher um serviço especializado?

Afinal, para ter sucesso com aplicativos, você precisa garantir boa usabilidade, além de uma boa gestão, e transformar dados coletados em interações constantes. Tudo isso pode ser integrado com a plataforma certa.

Diante desse contexto, é preciso conhecer os principais benefícios que um app para smartphones pode gerar para o seu negócio. Trata-se de uma estratégia para manter a inovação contínua na sua empresa por meio do melhor aproveitamento das tecnologias do mercado. Para tanto, é interessante explorar um pouco mais os temas de DevOps, Design Thinking e Extreme Programming.

Pensando nisso, listamos a seguir as 4 vantagens de uma plataforma mobile para as empresas. Confira!

1. Maior velocidade de acesso

A velocidade de acesso é um item crítico quando se fala em experiência de usuário nos aplicativos. Essa variável é bem relevante para o posicionamento da sua marca no mercado. Desenvolver uma plataforma mobile faz com que o logo da sua empresa esteja cada vez mais presente nas rotinas diárias dos seus clientes. Com isso, cria-se uma onipresença planejada nos pontos mais estratégicos do seu negócio.

Esse esforço técnico promove uma melhor Brand Experience, pois os usuários da sua plataforma se sentirão parte do negócio também. Assim, melhorar a velocidade de acesso deve ser um objetivo constante, que exige um acompanhamento mais próximo. O esforço vale a pena, afinal, trata-se de uma otimização técnica que contribui bastante para o engajamento com os clientes.

2. Personalização da página

A personalização da página com base nas opções selecionadas pelos usuários é outra opção interessante para aumentar o engajamento. Com isso, o cliente consegue escolher as cores, tamanhos de letra e configurações de tela favoritos para usar na sua plataforma. Desse modo, ele se sente empoderado, aumentando suas chances de fazer outras compras no futuro.

Outro exemplo é aplicação da estratégia Data Driven. Por meio das pesquisas de opinião e compras de dados, consegue-se desenvolver plataformas mobile conforme as opções favoritas da maior parte dos usuários, sem deixar de lado os valores e premissas do seu negócio. Essa personalização da página também gera mais envolvimento com os clientes e melhora o posicionamento da empresa no mercado.

3. Geolocalização

Os algoritmos de georreferenciamento são ferramentas interessantes para ações de geomarketing. Com o consentimento dos usuários, pode-se levantar dados demográficos e as preferências de consumo de grupos de clientes segmentados por região, o que permite ofertar produtos e serviços pela sua plataforma mobile com mais assertividade.

Nesse caso, explorar um pouco mais sobre bases de dados georreferenciadas e geoprocessamento pode ser uma opção efetiva para o seu negócio. Trata-se de uma demanda mais complexa, mas com potenciais de retorno no médio e longo prazo.

Uma possibilidade como essa apenas reforça a importância de contar com o apoio de especialistas em desenvolvimento ágil de soluções de TI.

4. Fidelização de clientes

As vendas são a base de sustentação dos modelos de negócios. As plataformas mobile representam mais um canal de comunicação da sua empresa com os clientes. Com isso, cria-se uma proximidade com o público para levantar informações importantes como: produtos mais vendidos, itens com maior número de devoluções e serviços problemáticos.

Esse esforço técnico de desenvolver uma plataforma mobile contribui para a fidelização de clientes. No longo prazo, torna-se também uma propaganda do seu negócio nos marketplaces para baixar aplicativos para smartphones. Fidelizar o consumidor é uma construção gradativa que requer um conjunto de várias pequenas ações para resultados mais efetivos.

Dessa forma, em vez de criar sua plataforma mobile, que tal entrar em contato conosco? O Cronapp é uma solução especializada, desenvolvida para que o profissional da área pule etapas e alcance seus objetivos mobile com muito mais rapidez, qualidade e segurança. Venha conhecer!


0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *